Buscar
  • Odonto Brasília

Facetas de resina: o que são e para que servem


Ter um sorriso bonito é o sonho de qualquer pessoa, não é mesmo? Afinal, dentes bem cuidados, saudáveis e belos são o abre-alas para quem deseja ter aparência muito boa e autoestima elevada. Nessa perspectiva, as facetas de resina podem ser uma opção de tratamento para pessoas que têm algum problema odontológico e querem melhorar sua imagem.

O que são facetas de resina? Inicialmente, é fundamental que exista uma clareza muito bem definida sobre o que realmente são as facetas de resina: um procedimento odontológico em que há a aplicação de próteses finas para cobrir as faces dos dentes e dar uma aparência mais harmônica ao sorriso.

Elas funcionam como capas protetoras para uniformizar o tamanho dos dentes e reparar eventuais desgastes ou quebras anatômicas. Os materiais que compõem as facetas podem ser tanto de porcelana ou resina. É preciso entender que a aplicação das facetas vai muito além do efeito estético.

Muitas pessoas possuem vergonha de sorrir por ter dentes degradados ou imperfeitos. Isso é um problema muito grave, pois gera impactos diretos na saúde emocional e psicológica. Um sorriso belo pode trazer melhorias muito grandes na vida de quem adota um procedimento restaurador.

Por isso, as facetas ganharam mercado nos últimos anos, já que possibilitam uma recuperação quase perfeita dos dentes. Essas finas placas recriam a aparência natural dos dentes e possibilitam o fechamento de pequenos espaços ou correções de desalinhamentos muito comuns.

Por que as facetas são utilizadas na odontologia? Essa pergunta é muito importante e revela o quanto esse procedimento tem ganhado adesão nos últimos anos. As facetas se tornaram uma opção de tratamento rápido, com custo mais reduzido e resultados satisfatórios. Todos esses pontos são só algumas das características que demonstram o quanto elas são amplamente utilizadas nos consultórios dos mais diversos estados do País.

Esse tratamento é adotado por possibilitar corrigir problemas de amarelamento, desgastes, fraturas ou lascas. A aplicação é relativamente rápida e oferece um custo-benefício incrível para os pacientes.

Quais as diferenças entre facetas de resina e lentes de contato? Muitas pessoas têm o hábito de confundir esses dois procedimentos, achando que eles representam o mesmo processo. Entretanto, existem algumas diferenças significativas entre o uso de facetas de resina e de lentes de contato.

Em primeiro lugar, as facetas de resina são restaurações de cerâmica aplicadas (“cimentadas”) na superfície dos dentes. Elas são mais densas que as lentes de contato, com espessuras na faixa de 7 mm, e são amplamente usadas para corrigir efeitos de coloração e formato dentário.

Já as lentes de contato são facetas de cerâmica bem mais finas. Sua espessura geralmente é inferior a 1 mm e demandam um método de aplicação um pouco diferente. Isso consiste no fato de que elas são aplicadas mais superficialmente, sem necessidade de gerar raspagens ou preparação sobre a matriz dentinária.

Com isso, produzem um impacto menor sobre os dentes e não geram muitos desgastes. Entretanto, são utilizadas apenas em situações mais sutis e que não necessitam de grande intervenção odontológica. É fundamental compreender que a escolha por cada uma das técnicas envolve diferentes análises e deve ser feita por um profissional capacitado.

43 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo